daytodayforever

Início » Uncategorized » Depilação Feminina – Masoquismo, vaidade, higiene ou sedução?

Depilação Feminina – Masoquismo, vaidade, higiene ou sedução?

abril 2013
S T Q Q S S D
« dez   maio »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

A HISTÓRIA DA MASSAGEM

Nenhum evento

Categorias

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 378 outros seguidores

É muito raro encontrarmos alguma mulher que cultive seus pelos atualmente. Cria-se  um certo repúdio ao vermos moças com axilas, pernas, braços cabeludos. A depilação tornou-se um ritual corriqueiro em suas vidas. Não estamos falando apenas de  um costume mas de um cuidado com a higiene pessoal, com a vaidade e também como um objeto de sedução. É quase uma lei as mulheres deixarem partes de seu corpo livre de pelos.

Mas a guerra feminina contra os pelos remontam datas de 4000 a.C., tendo relatos de ser hábito entre as indianas de já retirarem seus pelos pubianos.

download

No Oriente Médio a remoção dos pelos do corpo feminino tem sido considerado sinal de boa higiene exigida a muitos séculos. As mulheres muçulmanas prestes a se casar têm como costume depilar todo o corpo e, depois acabam mantendo o ritual por questões estéticas.

Já comentei em um post anterior outras culturas que também se preocupavam com tal detalhe.

Uma das histórias que mais me chamou a atenção sobre a importância dada a depilação foi a do crítico de arte JohnRuskin, célebre por ter definido os artistas pré-rafaelistas.

NPG P301(37); Euphemia ('Effie') Chalmers (nÈe Gray), Lady Millais by (George) Herbert Watkins

 

John Ruskin casou-se com a bela Effie Gray em 1848. Ele era virgem e jamais havia visto uma mulher nua, a não ser em forma de estátua. Na noite de núpcias, ele ficou horrorizado por não encontrar entre as pernas da sua esposa a semelhança com as estátuas de mármore que ele esperava. Seis anos depois sua esposa pede o divórcio alegando que o motivo era ainda estar virgem. Em uma carta escrita para uma amiga, Effie Gray conta a humilhação atroz que representou para ela um exame ginecológico: ela receava deixar que vissem a monstruosa deformidade que ela acreditava possuir. seu marido a havia convencido que seus pelos faziam dela um monstro.

Mas a evolução da remoção dos pelos femininos da mulher ocidental esta ligada  a utilização de maiôs e biquinis pequenos, além da alteração do estilo das lingeries. Isto não coabita com sedução feminina?

As mulheres norte-americanas, segundo estudos, jamais sentiram necessidades de depilar as axilas ate o ano de 1915, pois estas áreas ficavam escondidas sob as roupas. Quando surgiu o vestido sem mangas, enfim houve a necessidade ditada pela elegância e estética. Na década de 20 já era um pecado ter axilas com pelos.

Podemos dizer que a moda fez com que as mulheres ocidentais  cada vez mais se depilassem. Na década de 40, com vestidos mais curtos, foi a vez das pernas.

Hoje em dia  a depilação tem como principal apelo a higiene. As mulheres depilam sobrancelha, buço, axilas, região pubiana, ânus, pernas e braços.

Entre as variações um cuidado todo especial esta para a depilação pubiana que virou uma verdadeira arte. Entre os estilos mais utilizados temos: a Depilação Americana; Depilação Francesa; Depilação Brasileira;

220px-Bouguereau_venus_detailimagesdownload (1)

Em uma entrevista no Programa do Jô, a depiladora brasileira Reny Ryan  nos conta vários acontecimentos engraçados que gerou um livro.  Caso haja interesse o link:  http://www.youtube.com/watch?v=O-KkhgAgMco.

.

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: