daytodayforever

Início » Uncategorized » Dr. Edward Bach – Florais

Dr. Edward Bach – Florais

abril 2013
S T Q Q S S D
« dez   maio »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

A HISTÓRIA DA MASSAGEM

Nenhum evento

Categorias

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 378 outros seguidores

“Essa não é a cura do “vocês não devem”, mas sim a do “sejam abençoados”.

Edward Bach, médico inglês, nascido em Moseley, na Inglaterra em 24 de setembro de 1886.

EDWARD BACH

Com 20 anos entrou para a Universidade de Birmingham. Fez residência no University College Hospital, em Londres, em 1912. Recebeu também os títulos de Bacteriologista e Patologista  em 1913 e o diploma de Saúde Pública em 1914. Sempre acreditou que poderia existir cura para todas as doenças, inclusive as ditas incuráveis.

Numa época pós Pasteur, a busca pela saúde mundial e o futuro da medicina, passou a ligada a bacteriologia e imunologia. Edward Bach pesquisou  e usou vários tipos de vacinas, inclusive na grave epidemia de gripe espanhola, salvando várias vidas dentre as tropas militares.

Durante a epidemia ele se questionava: porque em meio a uma infecção tão poderosa, uma parte da população sucumbe, enquanto a outra parte continua saudável? Com tantos infectados, por que alguns continuavam intactos?
Sua experiência clínica já havia demonstrado a diferença de atitude emocional que seus pacientes demonstravam diante da doença. E esta atitude influenciava o prognóstico.
Durante a 1ª Guerra Mundial, por motivos de saúde não pode servir , porem acabou ficando em Londres, onde foi responsável por 400 leitos de feridos de guerra, no Hospital Universitário.

“A doença é o resultado do conflito entre a alma e a mente, e ela jamais será erradicada exceto por meio de esforços mentais e espirituais”.

images (8)

Em 1919, Dr Bach ingressou no Hospital Homeopático de Londres, trabalhando ainda como patologista e não como homeopata.

A homeopatia oferece um retrato mais fiel da saúde e da doença no ser humano porque considera também os estados mentais. Isso levou Bach a abraçar esta modalidade da medicina.

downloadimages (7)images (5)

“Nossa saúde física depende do nosso modo de pensar, dos nossos sentimentos e emoções”.

images (2) download

 “Os medicamentos devem atuar sobre as causas e não sobre os efeitos, corrigindo o desequilíbrio emocional no campo energético”.

Dr. Bach buscava entender o  Ser como um todo e escreveu que o objetivo do médico deveria ser, mais do que a cura, a prevenção das doenças. Para ele era claro que o corpo humano não deveria ser visto pela medicina como um campo de batalha.
Em um discurso feito à Sociedade Homeopática em 1920, Dr. Bach já demonstra certa crítica à maneira como suas vacinas estavam sendo usadas: o médico queria um remédio fácil de ser prescrito, enquanto os laboratórios queriam fabricar remédios em grande escala e vendê-los.

images (1) images (4)

 “As doenças reais e básicas no homem são certos defeitos como o orgulho, a crueldade, o ódio, o egoísmo, a ignorância, a instabilidade e a ambição… tais defeitos é que constituem a verdadeira doença…, e a continuidade desses defeitos, se persistirmos neles,… é o que ocasiona no corpo os efeitos prejudiciais que conhecemos como enfermidades”.

Observando as atitudes humanas, criou os doze estados mentais. Viajou para o País de Gales e encontrou  Impatiens e Mimulus e preparou essas duas flores como os remédios ou vacinas que ele utilizava na época.

Enfim, abdicou a sua vida de prestigio em Londres, e foi descobrir os tipos ou estados mentais, e os novos remédios que pudessem curar aquelas pessoas. Nora Weeks juntou-se ao Dr Bach nessa empreitada, e veio a ser sua devotada e incansável assistente.

Chicory BachEssences-1 Mimulus

 “As doenças reais e básicas no homem são certos defeitos como o orgulho, a crueldade, o ódio, o egoísmo, a ignorância, a instabilidade e a ambição… tais defeitos é que constituem a verdadeira doença…, e a continuidade desses defeitos, se persistirmos neles,… é o que ocasiona no corpo os efeitos prejudiciais que conhecemos como enfermidades”.Entre 1930 e 1932, o Dr Bach encontrou e preparou as essências florais daqueles que eel mesmo chamou de os Doze curadores: Impatiens, Mimulus, Clematis, Agrimony, Chicory, Vervain, Centaury, Cerato, Scleranthus, Water Violet, Gentian e Rock Rose. 

Nessa época, ele já cuidava de seus pacientes com muitos sucesso usando seus novos elixires.

Depois incluiu os florais auxiliares, criando assim os 38 Florais de Bach.

Dr Bach tem uma grande obra entre artigos ligados à medicina homeopática e livros como Cura-te a ti mesmo, Liberte-se.

Não há registros sobre a religião ou a filosofia que Edward Bach seguia, porem podemos  destacar referencias a Buda, Cristo, Grandes Mestres da Fraternidade Branca.

images (6)

“A prevenção e cura acontecem quando localizamos o erro dentro de nós mesmos e suprimimos este defeito por meio do cuidadoso aprimoramento da virtude que o destruirá; não combatendo diretamente o erro, mas desenvolvendo tanto estas virtudes que ele chegue a ser varrido de nossas naturezas”.

Edward Bach, faleceu, na madrugada de 27 de novembro de 1936, de uma parada cardíaca.

Eduard_Bach_color

“Cada um de nós tem o poder da cura, porque todos nós temos no coração amor por alguma coisa pelo nosso próximo, por animais, pela natureza, pela beleza, e cada um de nós deseja proteger e ajudar a melhorar o que amamos. Cada um de nós também sente simpatia por aqueles que estão em desgraça e isso é natural, pois, todos nós já estivemos em desgraça vez ou outra em nossas vidas. Desse modo, não apenas podemos nos curar, mas também temos o grande privilégio de sermos capazes de ajudar os outros a se curarem e as únicas qualificações necessárias são o amor e a compaixão.

Como filhos do Criador, temos dentro de nós toda a perfeição e viemos a este mundo simplesmente para podermos perceber nossa Divindade. Deste modo, todas as provas e experiências por que passamos não nos derrubam, pois, através desse Poder Divino, tudo nos é possível.”

Dr. Edward Bach trecho do livro A Terapia Floral

Anúncios

1 Comentário

  1. maria celia bautista saravia disse:

    nossa maravilhoso adorei inclusive já li vários link sobre Bach, porem …amigo tiro o chapéu, para você , colocou de uma forma bem legal .Imagens lindas .
    Sobre a depilação também , assunto super atual

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: