daytodayforever

Início » Uncategorized » ESTEROIDES ANABOLIZANTES – por que o risco?

ESTEROIDES ANABOLIZANTES – por que o risco?

dezembro 2013
S T Q Q S S D
« nov   fev »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

A HISTÓRIA DA MASSAGEM

Nenhum evento

Categorias

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 378 outros seguidores

michelangelo - adao e eva

Antes de falar sobre os esteroides anabolizantes é necessário entender melhor sobre os esteroides sexuais.

Os estrogênios  são esteroides sexuais femininos, sendo que o principal deles é o estradiol. Este hormônio é produzido nos ovários a partir da testosterona. Poderíamos dizer que neste caso cabe a história da costela de Adão se fez a mulher. O estradiol é a base para os estrógenos, responsáveis pelo desenvolvimento das características femininas, como formato do corpo, o ciclo menstrual e a ovulação.

Candice-Armstrong-Steroid-14

Candice Armstrong e sua transformação após uso de esteroides.

Os androgênios são esteroides sexuais masculinos, e o principal é a testosterona. Ele é o hormônio responsável pelo crescimento muscular, pela produção de espermatozoides e pelo desenvolvimento das características masculinas, como voz grossa, barba e comportamento mais agressivo.

Ou seja, parte do que determinamos ser coisas masculinas e femininas em nossos corpos esta relacionada a estes esteroides. As consequências de um desiquilíbrio hormonal podem ser monstruosas e irreversíveis.

Candice-Armstrong-Steroid-8

Candice Armstrong e sua forma física atual.

Os cientistas, através da testosterona, produziram em laboratório os hormônios sintéticos, conhecidos como esteroides anabolizantes. Suas funções principais é o ganho de massa muscular e diminuição de gordura. Sendo assim , médicos, em casos específicos, como pacientes que tem distúrbios de queda de testosterona, como o hipogonadismo, em tratamento contra a obesidade para aumentar o metabolismo da pessoa e também em pacientes com HIV, para recuperar a massa muscular e reforçar o sistema imunológico.

o-uso-indiscriminado-anabolizantes-para-aumentar-massa-muscular-emagrecer-pode-provocar-efeitos-colaterais-graves-4fbe4a19a511f

MORTE SÚBITA

DEPENDÊNCIA QUÍMICA ( e se for interrompido o uso, a pessoa sentirá dor de cabeça, depressão, variação de humor, agressividade, irritabilidade extrema, ciume patológico, distração, confusão mental, insônia e esquecimentos)

MAU HÁLITO

MUDANÇA DE VOZ ( nas mulheres costuma ficar grossa)

SURGIMENTO DE CANCERES

HIPERTENSÃO

ATAQUE CARDÍACO

CRESCIMENTO DO TECIDO MAMÁRIO EM HOMENS (ginecoma)

DIMINUIÇÃO DOS SEIOS NAS MULHERES

DOENÇAS HORMONAIS

AMARELAMENTO DE OLHOS E PELE

DESENVOLVIMENTO DE ACNES GRAVES

ICTERÍCIA E TUMORES NO FÍGADO

NÁUSEA E VÔMITO

DOR ABDOMINAL E DIARREIA

MATURAÇÃO ESQUELÉTICA PREMATURA EM ADOLESCENTES

PROBLEMAS NOS TENDÕES E LIGAMENTOS

CALVÍCIE

NASCIMENTO DE PELOS NAS MULHERES

MAU FUNCIONAMENTO DE RINS E FÍGADO

ALTERAÇÃO NA LIBIDO

IMPOTÊNCIA

AUMENTO DA PRÓSTATA

ATROFIA TESTICULAR

CONTAGEM DE ESPERMATOZOIDES REDUZIDA

ESTERILIDADE

HIPERTROFIA DO CLÍTORIS

ALTERAÇÃO DO CICLO MENSTRUAL

 

Algumas vítimas do uso de esteroides de forma indiscriminada.

0,,15358015,00

Jovem alemão de 21 anos, com o corpo que acreditava ser o ideal para si.0,,15358019,00 Depois que houve a cicatrização das espinhas em seu corto 

foto-2

O mesmo jovem de 21 anos, com várias espinhas que infeccionaram e estouraram.

 

0

O crescimento desproporcional dos bíceps, causa rompimento da derme.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: